Notícias

Residência é tombada como patrimônio histórico no Centro de Carmo do Cajuru

Publicado em: 22 de abril de 2019

O Conselho Municipal do Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural de Carmo do Cajuru (COMPHAC), aprovou em reunião ocorrida no último dia 4 de abril, o tombamento definitivo da antiga residência do Senhor Godofredo Passos, localizada à Rua Aquiles Guimarães, número 33, no Centro de Carmo do Cajuru, por seu valor histórico, afetivo, cultural e artístico. 

JUSTIFICATIVA DO TOMBAMENTO

A antiga residência do Senhor Godofredo Passos é uma Edificação do início do século XX que carrega característica singulares do estilo arquitetônico eclético que representa uma época arquitetônica, estilística e histórica de grande relevância para o nosso Município. No ano de 2011 foi realizado o processo de inventário de Proteção para fins de tombamento, ficha 06.

O entorno do imóvel caracteriza-se por abrigar grande parte das edificações de valor histórico e cultural da Cidade, edificações que deram início ao povoamento do Município.

Além da própria estação, destacamos no entorno imediato: a Casa do Antigo Mestre de Linha; a Antiga Caixa D’água da Rede Ferroviária; a Estação e a Antiga residência do Mestre de Linha, que formam o conjunto ferroviário da cidade; além do prédio do antigo Fórum, hoje Delegacia de Polícia Civil; o antigo Cineteatro Cajuruense.

"Em nome do COMPHAC agradecemos ao Senhor Edson de Souza Vilela, que assinou o decreto de Tombamento no dia 15 de abril, sendo este número 1.269/2019. Somos gratos pela confiança nos trabalhos deste Conselho e em especial na preservação de nossa história, bem como de todos os envolvidos e de forma especial ao Senhor Geraldo César da Fonseca Amaral, proprietário do imóvel", disse o presidente do COMPHAC, Cleiton de Souza Vilela.

Confira o Decreto: 1.269/2019